Apos ser titular na vitória sobre o VEC, o meia perdeu o posto para Patrick com o rodízio promovido por Odair Hellmann e devido a um problema muscular na panturrilha esquerda. De volta à reserva, o jogador admite que ainda não conseguiu demonstrar o potencial esperado com a camisa do Colorado.

 

"Não tive uma sequência jogando 90 minutos, estando como titular. Mas isso é tempo. Temos que respeitar as decisões. Vou continuar trabalhando. Me sinto muito à vontade, venho trabalhando forte. Não desanimo nunca para quando a oportunidade chegar eu ter sequência para demonstar meu futebol. Eu joguei o primeiro jogo. Nem todo mundo estava nesse ritmo que está depois de um mês. Eu tive um probleminha na questão de dores na panturrilha. Acabou me afastando".

"Jogar por dentro é bom, é onde me sinto mais à vontade. Entrar por dentro requer um pouco mais de corpo a corpo. Foi muito bom ter participado nessa posição. Ano passado, atuei muito pelo lado esquerdo, no corredor. Vamos indo trabalho a trabalho, treino a treino. Depende da situação do jogo, depende do que o Odair necessita, mas minha pereferência é jogar por dentro, na minha posição, onde rendo mais".

Fonte: GE