Com mais de 38 mil colorados em uma linda tarde sábado(11) no Beira-Rio, o time de Guto Ferreira conseguiu novamente apresentar seu "show de horrores, de nada, de piada", com uma atuação digna de 4° divisão.  O empate em 1 a 1 ficou barato, pois mesmo sem vencer a quatro rodadas, o time goiano demonstrou ao menos uma organização e sabia o que fazer com a bola. O time de Guto Ferreira? NADA. Estamos ainda tentando encontrar as palavras certas para descrever tamanha indignação com mais uma atuação risíveil, patética, vergonhosa, da equipe alvirrubra, mas de certa forma foi o mesmo de sempre, aliás, o mesmo NADA de sempre. 

Depois de sair na frente no primeiro tempo, o o Colorado sofreu o empate no segundo e não teve forças para vencer nela 35ª rodada da Série B. Como consequência, perdeu mais uma chance de confirmar o retorno matemático à elite do futebol brasileiro

O Inter vai aos 64 pontos e pode até perder a liderança da competição ao final da rodada, caso o América-MG vença o Figueirense em Santa Catarina. O Clube do Povo volta a campo nesta terça-feira, às 20h30, rumo à Barueri enfrentar o Oeste.

Embalado pelo canto da torcida em um Beira-Rio lotado, o Inter foi para cima do Vila Nova nos primeiros minutos para não deixar o embalo morrer. Aos oito minutos, D'Alessandro arancou gritos por dar o drible "la boba" em Maguinho e ainda deixá-lo sentado. O gol não demorou a sair. Aos 11, Dourado desviou em cobraça de falta de D'Ale, Alemão se atrapalhou com a bola e praticamente a entregou a Cláudio Winck, que só teve o trabalho de empurrar para a rede. Aos 21, o Vila assustou em chute cruzado de Geovane que Maguinho não conseguiu desviar. Depois disso, o Inter recuou à espera de um contra-ataque, e os goianos pouco assustaram a meta de Danilo Fernandes.

Seguindo desorganizado, sem conseguir atacar nem defender com consistência, o time permitiu o empate do Vila Nova no começo do segundo tempo e não teve forças para reagir. A equipe goiana ainda quase conseguiu a virada com Maguinho, que perdeu a oportunidade na frente de Danilo Fernandes em contra-ataque a 10 minutos do final. No último lance do jogo, Leo Rodrigues acertou o travessão contra o patrimônio. Por sorte do Vila, a bola não entrou

FICHA DE INTER 1X1 VILA NOVA: