Na tarde deste domingo, o Colorado voltou a superar o Cruzeiro-RS e enfrentará o Caxias pela semifinais do Gauchão. Víctor Cuesta abriu o placar aos 27 minutos do primeiro tempo, ao completar passe de Roberson. Depois, aos 43, Edenílson se aproveitou de bobeada de Lucas Martins e deixou para Nico López ampliar. Na etapa final, com a classificação assegurada, a equipe de Antônio Carlos Zago tratou de trocar passes e administrar o resultado.

O time de Antônio Carlos Zago enfrentará o primeiro jogo no Beira-Rio e a decisão no Centenário, em Caxias, ainda sem datas definidas.

Com a necessidade de reverter o placar, o Cruzeiro-RS começou no ataque. O time de Ben Hur pressionava e não permitia ao Inter sair da defesa. Porém, pouco incomodava o gol de Marcelo Lomba. Aos 27, o Colorado construiu uma jogada e conseguiu abrir o placar. Dentro da área, Roberson ajeitou para Cuesta, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes. Com o placar ainda mais complicado, o Estrelado baixo o ritmo. E, em um erro de Lucas Martins, Edenílson recuperou a bola e entregou para Nico López, que dominou e chutou para marcar o segundo aos 43.

Na etapa final, o Inter tratou de administrar a vantagem construída nos 45 minutos iniciais. O time trocava passes e buscava o espaço para o chute contra o gol de Deivity. O Cruzeiro-RS não demonstrava mais forças e pouco incomodava o sistema defensivo. A única jogada de perigo ocorreu aos 20 minutos, quando Edenílson fez jogada individual e tocou para Brenner, mas o goleiro do Estrelado evitou o arremate.

DESTAQUES POSITIVOS: NICO LOPEZ, CUESTA, EDENÍLSON.
NEGATIVOS: SEM.