O Inter leva a vantagem mínima para a segunda partida pela semifinal do Gauchão 2017. Com um a menos no segundo tempo, o time de Zago fez 1 a 0 no Caxias, na noite deste sábado, no Beira-Rio. Após um bom primeiro tempo alvi-rubro, a equipe grená pressionou no segundo tempo e teve um Inter melhor justamente quando atuou com 10, após expulsão de William. Ficou tudo para o próximo domingo, no Estádio Centenário, em Caxias do Sul.

Quarta-feira (19/4), o Inter tem pela frente o Corinthians, às 21h45, na Arena Itaquera, pela Copa do Brasil.

O Colorado esteve próximo de seu melhor nível. Machucado, Edenílson foi a baixa de última hora, com dores na coxa - Roberson começou o jogo. D'Alessandro recuou para fazer aquela função. Além do gol, de Dourado, poderia ter ampliado o placar não fosse os errosde pontaria.

O Inter dominou a etapa inicial da decisão. O Caxias não fez Lomba trabalhar e não conseguiu chutar no gol colorado no primeiro tempo. O Colorado abriu o placar com Rodrigo Dourado, em jogada aérea, e ainda criou inúmeras chances para ampliar. Nico López foi um dos melhores do jogo. O aniversarianete D'Alessandro ainda se envolveu em polêmica com o meia Wagner e com o médico do Caxias.

Após o intervalo, o Caxias cresceu. Passou a ocupar mais o campo ofensivo, com Elyser participando mais avançado. Gilmar passou a receber em condições de finalizar. Na primeira, próximo da trave. Depois, chegou a balançar as redes, mas o jogo fora parado por impedimento. A pressão não resultou em gol, mas deu a impressão de duelo aberto para o Centenário.

 DESTAQUES POSITIVOS: NICO LOPEZ, DOURADO, CARLINHOS, VICTOR CUESTA E LEO ORTIZ.
NEGATIVOS: WILLIAM, BRENNER E D'ALESSANDRO.