O Vice de futebol Roberto Melo, concedeu entrevista nesta sexta-feira aos programas GreNal FC, da rádio GreNal,  e Esporte em Debate, da Band. O dirigente colorado ressaltou a importância do fator Beira-Rio e sua confiança de um segundo turno superior em relação ao primeiro, além de destacar que o clube segue atento ao mercado para futuras negociações. Confira os principais trechos:

"Sei que o Beira-Rio vai estar lotado amanhã. O torcedor precisa saber do papel fundamental que tem. Amanhã 90 minutos juntos".

"O que nos interessa é estar na última rodada no grupo de acesso. Quem sabe, estar em uma condição de disputar o título".

"Esperamos poder manter o desempenho das últimas partidas e, quem sabe, melhorar. O grupo do Inter é muito qualificado. Queremos fazer um segundo turno melhor do que o primeiro. Isto já estava no nosso planejamento. Vamos consolidar nossa campanha, ainda não conquistamos nada".

"Determinante foi o nosso conjunto e a qualidade do grupo. Apenas 2 jogadores não fazem a diferença sozinhos, nem mesmo 11. Os reforços que chegaram foram acréscimos importantes para manter a nossa regularidade".

"Amanhã teremos um jogo muito importante para conquistar mais 3 pontos e manter a sequência. Era muito importante conquistar resultados no Beira-Rio. Torcedor compareceu nos últimos jogos e incentivou. É fundamental".

"Vínhamos buscando a regularidade desde o início do campeonato. Não é uma competição de arrancada, mas sim de regularidade".

Sobre contratações: "Nosso grupo nunca está totalmente fechado. Quando pintar oportunidade, podemos qualificar o time. Se a gente achar que precisa fazer um investimento, vamos fazer. Só vamos buscar volante se alguém sair. Não apareceu nenhuma proposta por nenhum jogador nosso".

"Passamos por um processo de adaptação na Série B. Esperamos agora seguir com essa regularidade. Manutenção do trabalho está fazendo com que a equipe cresça. Não podemos perder o foco".

"Esperamos o Beira-Rio cheio para fazer um grande jogo amanhã e buscar uma regularidade. Temos que entender que a Série B é um campeonato de muita disputa".