O ex-jogador colorado Márcio Mossoró, meia que atuou no Inter entre 2005 e 2007, e atualmente defende o Istambul Başakşehir da Turquia, concedeu entrevista nesta quinta-feira a Rádio GreNal sobre sua passagem no Beira-Rio, entre outros assuntos. Confira os principais trechos:

Momento de 2006: "O Abel conseguia sempre revezar o time na Libertadores e Brasileiro. Jogadores eram comprometidos com o grupo e o Inter. A orcida colorada sempre me apoiou, tenho um carinho enorme por ela".

Inter atual e de 2016: "A direção do Inter conseguiu mudar, depois passou para o novo comandante e, hoje, a equipe já tá garantida na Série A".

 "Acompanhei a queda do Inter, vi os jogos e fiquei muito triste. Demorou um pouco para cair a ficha que o time tava na B".

Carreira:  "Foram 5 anos maravilhosos no Braga-POR e ficou marcado na minha vida. Em Portugal, foram meus melhores anos. Por tudo que passei pelo Braga e o acolhimento da torcida. Me considero um ídolo do Braga. Jogamos contra eles, e jamais imaginei passar aquilo. Cantaram e me aplaudiram".

Futebol da Turquia: "Nossa torcida é pequena, mas tem crescido, com 15 mil sócios. Quando saio na rua, sou reconhecido pelas outras também".

"Os turcos gostam dos brasileiros pelos dribles, gols e carisma. O Alex não é só amado pelo Fenerbache, mas pelo país todo. O Felipe Melo é amado aqui pela garra e determinação"

"Queremos lutar de igual para igual com os caras (Fenerbache, Galatasaray e Besiktas), dentro de campo".

"O Eto'o tá no Antalyaspor, assim como o Sandro que passou pelo Inter também. Nosso time tem o Adebayor. É um campeonato bem disputado, para ficar no G4 é muito difícil. Ano passado, brigamos muito com o Besiktas. A parte financeira tem contado muito para os jogadores virem para a Turquia. O Besiktas tem o Pepe e o Adriano, ex-Barça".

 "Vocês ainda vão ouvir muito do İstanbul Başakşehir, não só na Europa. É um clube grande e uma potência. Nosso time vai crescer muito, assim como vem acontecendo. Ficamos em 2º lugar do Campeonato Turco no último ano".