Sasha: "Não era o começo que esperávamos, pois tivemos dois empates em casa. Para quem quer estar ali em cima, não é ideal. Em casa, a vitória precisa ser o nosso foco. Só assim para chegarmos ao G-4. Essa sequência de jogos em casa definirá muita coisa".

"O gramado prejudicou pra atacar e defender.  Não queria ter voltado nesta situação, talvez em um campo melhor. Tentei fazer meu melhor".

"Estou feliz por ter voltado a jogar esses 70 minutos. Uma das minhas características é marcar também".

"Trabalhei forte para quando tivesse uma oportunidade. Não estou no ideal, preciso de sequência, mas estou me esforçando para isso".

Uendel: "Não dá para avaliar o desempenho, o campo é impraticável. Apostamos na ligação direita. Fica o gostinho de que poderia ser melhor".

"Não era o que a gente imaginava. A gente queria pelo menos quatro pontos fora. Conseguimos só dois. Queríamos entrar de novo no G-4. Não dá para avaliar o desempenho, sabia que seria como foi como Paysandu, campo ruim. Não ia adiantar jogar no toque de bola, tínhamos a receita, tentamos os lançamentos. Conseguimos colocar a bola no chão em alguns momentos .

Rodrigo Dourado: "Sempre queremos ganhar, mas vocês viram a situação do campo. O empate está de bom tamanho"

Cirino: "Viemos com o pensamento de vencer. Infelizmente com este gramado fica impossível jogar futebol. Pecamos em alguns momentos, mas é erguer a cabeça para trabalhar e buscar a vitória em casa".