Texto por Colaborador: Redação 11/06/2021 - 02:07

O presidente do Inter, Alessandro Barcellos, concedeu entrevista coletiva logo após novo vexame em menos de 5 meses de temporada. Sem jamais confirmar a manutenção de Miguel Ramirez na casamata, o mandatário afirmou que novas reuniões serão feitas no clube para definir o futuro do técnico espanhol e do planejamento da direção. Confira suas principais declarações:

"Hoje temos a convicção de que é necessário fazer avaliação. Fomos eliminados onde não esperávamos neste momento. Se eu disser que está tudo bem, seria uma hipocrisia. Óbvio que precisamos avaliar e trocar rumos. Estamos falando de um clube Gigante.  Precisamos corrigir os rumos. Isso não significa que terá troca aqui ou lá sem fazer a avaliação com a condição que ela merece. Estamos falando de uma equipe e clube gigantes. Na posição que me encontro, em um Conselho de Gestão plural, não se toma uma decisão assim. Precisamos ter racionalidade neste momento difícil. Isso passa por avaliar todos aspectos que compõem uma eliminação como essa e a campanha ruim que fizemos nos últimos jogos".

"Responsabilidade é da direção. Não planejamos estar aqui falando após uma eliminação. Esperávamos situações melhores do que essa hoje. Direção, comissão e jogadores. Sentamos para preparar para esse jogo. O fato é de que o trabalho nao está entregando como a gente tinha planejado (...) As razões é que terminou o jogo a pouco, fazem 30 minutos. Não vamos tomar atitudes no calor do momento. Iremos nos reunir para uma reavaliação. Jogo terminou faz pouco tempo. Temos que olhar pra dentro e construir soluções. A nossa ideia é reunir o departamento de futebol e o conselho de gestão para tomar uma decisão rápida. As soluções precisam acontecer. Temos jogo já no domingo e precisamos tomar decisões rápidas para darmos respostas."

Futuro de MAR: "O Miguel é o nosso treinador. Ele está, infelizmente, em uma circunstância difícil. Ele não está aqui conosco. Ele é o treinador contratado do Inter. Temos a obrigação de sentar e reavaliar todos os processos que dizem respeito às questões que estamos enfrentando e precisam ser resolvidos. Precisamos buscar saídas para termos resultados que nos coloquem em outro patamar".

Próximos passos: 'Vamos trabalhar juntos, com todos que estão aqui, tristes e indignados, como a nossa torcida está, querendo mudar este ambiente. Não é um ambiente que o Inter irá conviver neste ano. Não vamos continuar desta forma, sem sermos competitivos. A nossa ideia é reunir a equipe do departamento de futebol, fazer uma avaliação rápida, e tomarmos as decisões que dizem respeito ao contexto, para termos as respostas que todos queremos'.

Ambiente: “O que nos une é muito maior do que nos separa. O Internacional é grande, temos que olhar para frente.”

Categorias

Ver todas categorias

Aguirre é a escolha certa do Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

1418 pessoas já votaram