Texto por Colaborador: Redação 20/11/2020 - 18:28

Falando no programa Redação Sportv, o apresentador e jornalista André Rizek comentou sobre a conturbada saída do técnico Eduardo Coudet do Beira-Rio. Ainda que o treinador argentino tenha pedido demissão e pago a multa junto ao Colorado, há torcedores que acusam a direção de responsabilidade na questão, ao passo que o mês de novembro se mostrava o mais crítico para qualquer tipo de troca no comando técnico. Rizek avaliou a questão sob seu ponto de vista: 

"Não vou passar pano para o Coudet, tu (PVC) não passou e eu também não vou. Embora nunca tenha conversado com ele eu fui atrás com quem conversou e sinceramente acho essa saída péssima, acho que ele agiu muito mal. A história que consegui apurar foi a seguinte: de fato ele imaginava que teria mais reforços e o Inter havia prometido mais, mas o Inter explicou que o cenário de pandemia não permitia dar os reforços que ele queria ter. O cenário de pandemia fez com que o Inter e qualquer indivíduo e empresa tivessem dificuldades. Ele entendeu que tinha tirado o máximo do elenco e que o elenco teria uma queda, e foi embora. Ele também não se sentiu respaldado, tava magoado pelas críticas que levou não apenas do clube mas da imprensa gaúcha (impressionante como dão importância pra gente), ele não gostou, da crítica quando perdia GreNais, até foi embora sem ganhar nenhum GreNal. Achava que o clube também não seguraria a onda dele se tivesse mais dificuldades, se sentia inseguro, e viu a chance de entrar no mercado europeu em um clube onde já defendeu, pensou "vou ter a chance de dar um salto maior porque já tirei o máximo desse time". Diante desse relato acho feia a saída do Coudet no meio do campeonato brasileiro e líder da competição", analisou.

Categorias

Ver todas categorias

Tu aprova o nome de Abel Braga para substituir Coudet até fevereiro?

Sim

Votar

Não

Votar

868 pessoas já votaram