Texto por Colaborador: Redação 23/10/2020 - 19:00

Em entrevista nesta sexta-feira da ZH Esportes com o diretor executivo do Inter, Rodrigo Caetano, o dirigente Colorado comentou o que achou do sorteio desta sexta na Conmebol que colocou o temido Boca Juniors como adversário do time alvi-rubro nas oitavas de final da Copa Libertadores. Confira os principais trechos.

TEXTO:

Sobre o sorteio e o duelo com o Boca: "Não temos muito o que escolher. Se almejamos algo grande da competição, teremos de enfrentar esses desafios. Ficamos do lado mais difícil das chaves. Do nosso lado está o maior número de equipes que já conquistaram a Libertadores".

Foco da equipe: "Vamos pensar na Libertadores e no Boca mais perto do confronto. No momento, temos outras duas competições, no domingo e na quarta-feira. Quando estivermos chegando perto do jogo, vamos nos concentrar na competição continental. Nosso olhar é sempre no próximo adversário".

O executivo colorado reafirmou que o Inter está fora do mercado: "O objetivo do clube agora é honrar os compromissos financeiros. Corremos riscos de ter que atrasar os vencimentos. Por isso, não temos como contratar ninguém. Se tivermos chance de conquistar títulos, será desta forma, honrando os salários de nosso elenco".

Categorias

Ver todas categorias

Tu aprova o nome de Abel Braga para substituir Coudet até fevereiro?

Sim

Votar

Não

Votar

867 pessoas já votaram