Texto por Colaborador: Redação 17/01/2021 - 03:03

A derrota para o Juventude neste sábado por 1 a 0 em Caxias do Sul decretou para o Cruzeiro uma realidade jamais vista por um gigante brasileiro: a de permanecer na Série B de maneira consecutiva. Afundado em dívidas, o clube mineiro se tornou o primeiro, dos considerados 12 grandes brasileiros, a cair e não retornar no ano seguinte à elite do Brasileiro na era dos pontos corridos. 

Com ex-colorados no elenco como Rafael Sóbis, William Pottker, Roberson e Marquinhos Gabriel, a equipe Celeste começou a Seguda Divisão com seis pontos a menos após punição da Fifa, salários atrasados (quase três, além do 13º) e dívida de mais de R$ 1 bilhão, além da desorganização em várias outras frentes. Restando ainda três rodadas para o fim do torneio, o fantasma da Terceira Divisão, tão temido por Felipão, ainda ronda a Toca.

Confira as edições com participação dos 12 grandes na era pontos corridos da Série B:

2006 - Atlético (campeão)
2008 - Corinthians (campeão)
2009 - Vasco (campeão)
2013 - Palmeiras (campeão)
2014 - Joinville (campeão); Vasco 3º
2015 - Botafogo (campeão)
2016 - Atlético-GO (campeão); Vasco 3º
2017 - América (campeão); Internacional 2º
2020 - Cruzeiro 13º colocado (até a 35ª rodada)

 

Categorias

Ver todas categorias

Miguel A. Ramírez é o nome certo para comandar o Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

2638 pessoas já votaram