Texto por Colaborador: Redação 04/05/2020 - 16:12

Um estudo divulgado pelo CIES Football Observatory nesta segunda-feira (4) apontou que o clube do Morumbi teve a maior porcentagem de minutos jogados por atletas sub-21 na última edição do Brasileirão. Ao todo, o São Paulo usou jovens em 22,3% do tempo na competição em 2019. O Inter aparece na sétima colocação.

Corinthians (18,3%), Avaí (17,8%), Athletico-PR (17,5%) e Vasco da Gama (16,3%) aparecem na sequência. No outro extremo, o Fortaleza foi o último da lista e não usou jogadores abaixo de 22 anos em nenhum momento do campeonato. 

O CIES Football Observatory analisou 1.292 clubes em 93 ligas nacionais pelo mundo em jogos da temporada 2019 ou 2019-20 até 1º de janeiro deste ano.

A Eslováquia liderou a estatística e teve a maior porcentagem de minutos disputados por jogadores sub-21 na liga nacional - 29%. O Campeonato Turco aparece na última posição, com apenas 3,7%.

O Brasileirão teve atletas jovens em 11,1% do tempo. O número é o menor em ligas sul-americanas.

Na Europa, a Ligue 1 foi a que mais deu minutos aos jogadores sub-21 (15%), enquanto a LaLiga teve a menor porcentagem (7%).

Veja os times brasileiros quem mais usaram jogadores sub-21 no Brasileirão do ano passado:

1- São Paulo - 22,3%

2- Corinthians - 18,3%

3- Avaí - 17,8%

4- Athletico-PR - 17,5%

5- Vasco - 16,3%

6- Chapecoense - 14,7%

7- Internacional - 13,7%

8- Grêmio - 13,4%

9- Botafogo - 12,3%

10- Fluminense - 12,2%

11- Cruzeiro - 12,1%

12- Atlético-MG - 9,8%

13- Bahia - 9,6%

14- Santos - 8.8%

15- Flamengo - 7,6%

16- CSA - 5,3%

17- Goiás - 4,1%

18- Ceará - 3,8%

19- Palmeiras - 1,9%

20- Fortaleza - 0%

Fonte ESPN

Categorias

Ver todas categorias

Você aprova a renovação de contrato de Rodrigo Dourado?

Sim

Votar

Não

Votar

737 pessoas já votaram