Texto por Colaborador: Redação 29/03/2021 - 11:00

No Brasil, em que o calendário de clubes não acompanha o de seleções, equipes que contam com jogadores selecionáveis têm o ônus de perder algumas de suas principais peças nas chamadas data Fifa. É o caso do Inter nesta temporada, em que o time pode ser desfalcado por até 19 rodadas do Campeonato Brasileiro (um turno inteiro) devido à Copa América e às Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, segundo levantamento feito pela Rádio itatiaia.

O primeiro torneio tem jogos agendados entre 13 de junho e 10 de julho. No segundo, há partidas marcadas para os períodos entre 3 e 6 de junho, 2 e 9 de setembro, 7 e 12 de outubro e 11 e 18 de novembro. Além das duas rodadas das Eliminatórias que foram suspensas em março, devido à pandemia de covid-19, mas ainda não têm data definida.

Enquanto as seleções sul-americanas estiverem em campo, as competições brasileiras permanecem com a bola rolando; apenas a Copa Liberadores é paralisada. Se um colorado for convocado para todos esses duelos entre países e chegar à final da Copa América, perderia 19 confrontos do Brasileirão e ficaria fora de alguns compromissos da Copa do Brasil (caso o time avance): os dois embates da terceira fase, o jogo de volta das quartas de final e o de ida da semifinal.

Entre os jogadores alvirrubros que costumam ser chamados por suas seleções estão o atacante Paolo Guerrero (Peru), Saravia (Argentina) e Carlos Palácios (Chile). 

Categorias

Ver todas categorias

Tu gostou da nova camisa do Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

574 pessoas já votaram