Texto por Colaborador: Redação 03/01/2021 - 14:47

De acordo com informaçõe do jornalista Fabrício Falkowski, do Correio do Povo, embora reconheça as dificuldades envolvidas na contratação do atacante Taison antes do encerramento de seu contrato com o Shakhtar (até 30 de junho), o Inter não desistiu de contar com o pelotense já nos primeiros meses da temporada.

Após conversas positivas entre a nova direção e o agente do atacante, novas rodadas de negociações devem ser abertas em breve. Um primeiro encontro entre o vice de futebol JP Herrmann, o presidente eleito Alessandro Barcellos e os representantes de Taison aconteceu em dezembro. A informação repassada aos colorados foi que o Shakhtar Donetsk não cogita liberá-lo antes do fim do seu vínculo. Além disso, sequer apresentou alguma condição financeira para rescisão antecipada. No entanto, a esperança vermelha é que o próprio jogador consiga a sua liberação em negociações diretas com o clube ucraniano, ou que o Shakhtar imponha um valor possível de ser pago pelo Inter, cenário mais complicado devido a falta de recursos no Beira-Rio. 

Ainda segundo Rodrigo Oliveira, de GZH, o atacante de 32 anos terá que reduzir de forma muito significativa as suas pretensões salariais para vestir novamente a camisa colorada. Mantendo contatos com o procurador do jogador a direção de Alessandro Barcellos deixou claro que não fará "loucuras" para repatriar o atleta. Conforme apurado pelo portal, o ex-camisa 7 ganha hoje no Leste Europeu cerca de 250 mil euros (R$ 1,6 milhão) mensais. A nova direção alvirrubra também irá realizar nos próximos dias uma análise detalhada das finanças antes de formalizar uma proposta. 

De qualquer forma, a janela de transferências internacionais para o Brasil só abre em março. Portanto, mesmo que Taison possa voltar ao Brasil antes, ele só poderá reestrear no Clube do Povo na temporada 2021. Outro detalhe é que, pelas regras da Fifa, a partir de 1 de Janeiro, o jogador já pode celebrar um pré-contrato com qualquer clube.

Categorias

Ver todas categorias

Miguel A. Ramírez é o nome certo para comandar o Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

846 pessoas já votaram