Texto por Colaborador: Redação 05/05/2020 - 17:25

Nesta terça-feira, o governador do estado do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, falou um pouco sobre da situação de um possível retorno do estadual e as dificuldades de prever a situação da pandemia nos próximos meses. Confira os principais trechos.

TEXTO:

Sobre o retorno do futebol: "Nós vamos avaliar os protocolos sugeridos pela Federação e considerá-lo no próximo do decreto. O Campeonato Estadual precisa de uma regra uniforme no território, e o novo protocolo não vai pela uniformidade do estado, mas sim pela divisão das regiões em bandeiras".

"O protocolo faz com que cada região siga um protocolo diferente, o que pode comprometer as condições para que o campeonato ocorra. Mesmo que retomássemos o campeonato, ele levaria dois meses para ser concluído, entre treinos e jogos. E é absolutamente difícil prever o que vai acontecer nos próximos meses.

"O que vai determinar se terão mais ou menos restrições são os dados de cada região. Mesmo que o governo estabeleça a possibilidade de alguma forma de retorno, não há segurança para que isso seja garantido por um longo período".

Estádios vazios: "Só estamos considerando esse tema (o retorno do Gauchão) em função de não ter público. Só vemos atividades que signifiquem reunião grandes grupos de pessoas como possibilidade para o pós-pandemia".

Categorias

Ver todas categorias

Você aprova a renovação de contrato de Rodrigo Dourado?

Sim

Votar

Não

Votar

1743 pessoas já votaram