Texto por Colaborador: Redação 03/06/2020 - 16:30

A TV Inter divulgou na tarde desta quarta-feira um vídeo mostrando o trabalho do clube na recuperação do volante Rodrigo Dourado. O coordenador da preparação física do clube, Cristiano Nunes, falou a respeito do trabalho e está otimista com a recuperação do jogador. Porém, evita projetar um retorno aos treinos com bola. Confira os principais trechos.

VÍDEO:

TEXTO:

"Estamos muito felizes com o retorno às atividades do Dourado. Vemos com bons olhos, otimismo. Não tem relatado dor, aquilo que muitas vezes incomodava em qualquer esforço. Evoluindo, conseguirá a forma física. Isso ocorrerá com acompanhamento detalhado nas próximas semanas, meses de trabalho".

“Ele está reiniciando o processo de treinos. De aquisição física. É um momento inicial, porém, vemos com otimismo o fato dele estar evoluindo e melhorando. De não estar relatando dor, aquilo que muitas vezes o incomodava em qualquer esforço que ele fazia. Hoje ele consegue fazer movimentos muito naturais, onde muda de direção e intensidades de corridas sem relatar desconforto. Continuando assim, evoluindo com os treinos, vai recuperar a forma física”.

“Ainda é uma fase inicial e existe um tempo para que ele se recupere a melhor forma. Isso vai acontecer com um acompanhamento muito detalhado nas próximas semanas ou meses de trabalho. Na sequência, ele terá treinos com volume maior. Poder realizar trabalhos com intensidade e distâncias maiores percorridas. Altas velocidades e treinos de força para que ele tenha uma musculatura capaz de dar muita estabilidade para as articulações, principalmente, para o joelho, mas, evidente, isso será realizado de forma gradativa e acompanhando a resposta de cada treino do Dourado”.

"Precisamos fazer os treinos mais volumosos, intensos, com maiores distâncias para que no futuro ele volte a trabalhar com bola. Mas será realizado passo a passo, de forma gradativa, acompanhando a resposta de cada treino - explicou.

“Ele está confiante para realizar as atividades no campo e motivado, até pelo fato dele estar vendo a evolução. Atividades que ele fazia com demanda menor, acabavam com desconforto na articulação. Isso não está acontecendo, as intensidades e os volumes dos trabalhos estão aumentando e ele se sente confortável. Sente o cansaço natural, porém, o joelho está respondendo bem”

Categorias

Ver todas categorias

Você aprova a renovação de contrato de Rodrigo Dourado?

Sim

Votar

Não

Votar

3021 pessoas já votaram