Texto por Colaborador: Redação 13/01/2021 - 17:46

No dia 9 de Setembro de 2020 o Inter ia ao Castelão, no 1° turno, tendo uma formação com então 6 titulares (Lomba, Saravia, Zé Gabriel, Moisés, Edenílson e Patrick), além da estreia de Léo Ferreira nos profissionais, ao lado de Leandro Fernandez, também debutando como titular de Eduardo Coudet. Perdendo, no entanto, duas peças por lesão ainda no primeiro tempo (Johnny e Patrick) uma atuação pouco criativa e com erro defensivo infantil garantiu a segunda derrota seguida colorada no Brasileirão naquele momento, deixando a liderança para o Galo que venceria o São Paulo horas depois.

Se no lado gaúcho nota-se o quanto muita coisa mudou após 4 meses, pelo lado do Fortaleza pode se dizer o mesmo. A vitória do Leão naquela 11° rodada refletia a boa fase do time. Ao vencer os colorados, o Tricolor Nordestino emplacava o terceiro jogo, da sequência de oito partidas, sem perder na Série A. Ceni, então comandante da equipe e hoje no Flamengo, conseguia a primeira vitória contra o Internacional. 

Os gaúchos, apesar da segunda colocação, não vinham em um bom momento. A derrota para o Fortaleza fez parte de uma sequência de sete jogos e só uma vitória. Agora com Abel Braga como técnico, os alvirrubros voltam ao segundo lugar, porém com sete partidas de invencibilidade, sendo cinco vitórias seguidas.

Os elencos de ambas equipes também mudaram. Marlon, improvisado na lateral direita, foi titular no Castelão. Os argentinos que atuaram no primeiro turno saíram dos respectivos clubes. Fragapane retornou ao Talleres, encerrando o empréstimo antes do previsto. Além de D'alessandro - que rumou para o Nacional-URU - o Colorado teve no segundo tempo a entrada Boschilia (hoje lesionado) na tentativa de reverter a desvantagem, com Moledo - então reserva de Zé Gabriel - jogando no lugar de Cuesta. 

Daqueles XI apenas Lomba, Moisés, Edenílson e Patrick deverão começar neste domingo, no Beira-Rio, às 21h30min.

Categorias

Ver todas categorias

Miguel A. Ramírez é o nome certo para comandar o Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

669 pessoas já votaram