Texto por Colaborador: Redação 13/09/2020 - 01:17

O jornalista do UOL, Rodrigo Mattos, atentou para um fato em torno do Movimento pela Lei do Mandante, encabeçado por diversos clubes do país. Antes adeptos, Corinthians, Internacional, Vasco e Atlético-MG não fazem mais parte do grupo. Inicialmente, Grêmio, Fluminense, Botafogo e São Paulo também não haviam endossado o movimento. 

Perto de "caducar", a Medida Provisória 984, que dá ao mandante de uma partida de o direito de transmissão de um jogo, não deve ser prorrogada. Os clubes sabem que o cenário dificilmente será revertido e já trabalham para influenciar os deputados e tentar forçar um Projeto de Lei (PL). A missão, no entanto, é das mais duras, visto que teria de haver um consenso entre as lideranças dos partidos para que a ideia fosse tocada adiante com velocidade, o que dificilmente acontecerá. A MP perderá sua validade a partir do dia 16 de outubro e, se não houver mudança até lá, as regras para a transmissão voltam a ser como antes, cenário ainda mais provável após o recuo desses 4 novos clubes.

 

 

Categorias

Ver todas categorias

Você gostou da 3° nova camisa do Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

1066 pessoas já votaram