Texto por Colaborador: Redação 20/11/2020 - 11:57

Com a eliminação precoce para o América-MG da segunda divisão do futebol brasileiro, o Inter deixará de receber R$ 7 milhões em premiação por não ter ido a semifinal, valor que estava projetado no orçamento da diretoria para 2020. Para minimizar esse impacto, o clube aposta em uma sequência maior na Libertadores e garante o pagamento dos salários de dezembro.

Quando fez o planejamento para 2020, a diretoria Vermelha previa avançar até as semifinais do torneio. A saída lamentável na Copa do Brasil colocou mais um obstáculo a superar pelos dirigentes em um ano marcado por pandemia e queda geral de receitas, mas os dirigentes prometem encontrar uma maneira de amenizar a perda.

Apesar da situação financeira delicada e a dificuldade de ter o Boca Juniors nas oitavas de final, o presidente Colorado Marcelo Medeiros garante que a desclassificação não afetará o cumprimento das obrigações de dezembro. O mandatário da Academia do Povo afirmou honrará o pagamento da folha salarial no último mês de sua gestão.

"Vamos pagar a folha (de dezembro). A verba está garantida. Fica tranquilo" disse o presidente ao ser questionado sobre o tema.

Categorias

Ver todas categorias

Tu aprova o nome de Abel Braga para substituir Coudet até fevereiro?

Sim

Votar

Não

Votar

867 pessoas já votaram