Texto por Colaborador: Redação 07/04/2021 - 17:44

O médico do Inter, o doutor Carlos Poisl concedeu entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira e falou a respeito da situação do goleiro Danilo Fernandes. O jogador na terça-feira passou por uma cirurgia devido a uma hérnia de disco na coluna. De acordo com o médico, o clube tentou o tratamento considerado conservador, com repouso e medicamentos, mas uma ressonância nesta terça constatou o agravamento do quadro. Confira os principais trechos.

VÍDEO:

DECLARAÇÕES:

"A gente a princípio entendeu que o melhor era fazer um tratamento conservador. Nesse período, não houve nenhum progresso. Pelo contrário. Fizemos um exame de nova ressonância, que mostrou piora nesse quadro. Não havia chance para apostar nesse tratamento. E se decidiu de imediato fazer esse procedimento cirúrgico. É uma cirurgia minimamente invasiva, via endoscópica. Foi muito bem sucedida".

"A gente espera que em três semanas já possa fazer uma movimentação um pouco mais intensa. Foi procedimento com técnicas modernas. É o mínimo corte para acesso. Não tem um centímetro. Isso permite que ele mais cedo comece a fazer as atividades. Vai fazer tratamento progressivo de fisioterapia e reforço muscular já a partir de amanhã (quinta-feira). Vamos avaliando diariamente para ver o que a gente consegue colocar mais de carga para ele".

"Hoje tive contato com o atleta, e ele já perguntou se poderia vir ao CT treinar. Ele está bem entusiasmado. Esperamos poder fazer alguma movimentação um pouco mais intensa com ele dentro de três semanas."

"O prazo é flexível, não é estanque. Nós estamos dando esse prazo porque acreditamos que, pelo tipo de procedimento que foi feito, é permitido que ele volte. No dia a dia da avaliação, podemos ter percalços".

Categorias

Ver todas categorias

Tu gostou da nova camisa do Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

254 pessoas já votaram