Texto por Colaborador: Redação 23/07/2021 - 03:11

A vexatória desclassificação do Inter na noite desta quinta-feira (22) para o Olimpia, nas oitavas de final, no Beira-Rio, cobrará um alto preço ao Colorado além do papelão histórico. 

Após cair na terceira fase da Copa do Brasil para o Vitória, também em pleno Beira-Rio - deixando pelo caminho R$ 2,7 milhões - Alessandro Barcellos & Cia terão que encontrar maneiras de tapar o novo "buraco" com o tombo no maior torneio continental, na casa do $1,5 milhão (cerca de R$ 7,9 milhões) por não avançar às quartas de final.

Ambos os fracassos geram problemas claros no orçamento previsto para 2021, que contemplava classificações até pelo menos as oitavas de final da Copa do Brasil e oitavas da Libertadores. Uma possível qualificação diante dos paraguaios, porém, poderia "compensar" a queda antecipada diante dos baianos, mas esse não será mais o caso.

Com grave crise financeira o SCI precisará, portanto, encontrar fundos extras para não fechar o ano com novo deficit. Para isso, a provável solução deverá ser a mesma de sempre: se desfazer de jogadores, aumentando os R$ 90 milhões previstos no orçamento em venda de atletas. 

Fonte: Somoscolorados.com / SCInternacional.net

Categorias

Ver todas categorias

Aguirre é a escolha certa do Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

1408 pessoas já votaram