Texto por Colaborador: Redação 27/03/2020 - 18:30

A Rádio Bandeirantes conversou nesta sexta-feira (27) à tarde com Daniel Pavan, preparador de goleiros do Inter que falou um pouco sobre o momento dos arqueiros colorados e também como a parada devido à pandemia do Coronavírus afeta os jogadores. Confira os principais trechos.

TEXTO:

Quarentena devido a pandemia do Coronavírus: "Estou procurando passar por esse momento de maneira não tão pesada, com a família. Temos contribuído, fazendo nossa parte, ficando em casa."

Sobre trabalho com os atletas: "Conversamos praticamente todos os dias, por telefone e WhatsApp. Fizemos, por duas vezes, treinamentos em videoconferência."

"O goleiro sente um pouco mais, porque demora mais para readquirir o ritmo de jogo. Por mais que estejamos fazendo trabalhos, falta o contato com bola."

Momento do Lomba: "O Lomba vinha em um momento muito bom, num ritmo de jogo ótimo, foi uma pena a parada. Estamos tentando amenizar o máximo possível."

Trabalho com Eduardo Coudet: "A relação (com Coudet) é muito boa. Houve mudanças, como a inserção do Marcelo no modelo de jogo. Ele joga como líbero sem a bola e participa do início das jogadas."]

Sobre Danilo Fernandes: "Ele é um goleiro muito profissional, sabe que tem que lutar para conquistar o lugar que hoje é do Marcelo. Infelizmente, só joga um goleiro. Muitos me perguntam se ele merecia ser titular, e eu digo que sim. Assim como Lomba e Daniel."

Sondagens e propostas: "Já ocorreram sondagens, mas estou muito satisfeito aqui. Me sinto muito valorizado, tenho ótimos goleiros. Estou muito satisfeito, é aqui que quero ficar."

Trabalho atualmente: "Sempre que possível, juntamos os quatro goleiros em videoconferência para fazer trabalhos físicos que são importantes para a posição."

Categorias

Ver todas categorias

Você aprova a renovação de contrato de Rodrigo Dourado?

Sim

Votar

Não

Votar

937 pessoas já votaram