Texto por Colaborador: Redação 05/05/2021 - 00:05

O Inter recebe teoricamente seu adversário direto e mais forte do Grupo B, o Olimpia, em um grupo em que as quatro equipes somam o mesmo número de pontos (3). Precisando vencer e ciente de que qualquer detalhe pode fazer a diferença para o bem ou para o mal, nossa equipe abre a mesa do bar para opinar sobre o XI ideal frente os paraguaios e da expectativa para o confronto da noite desta quarta, no Gigante. Porque é noite de "copa"... Confira as avaliações:

Israel: "Será o primeiro "grande jogo" contra um adversário maior que faremos na nossa casa (Always, Grêmio e Juventude jogamos fora). Espero que façamos uma baita partida, marcando em cima e tocando muito a bola para criar e fazer os gols. Devido a expulsão do Palácios na partida passada, acredito que teremos a estréia do ídolo Taison desde o início do jogo. Devemos ter um adversário fechado, especulando os contra-ataques e tentando usar esses espaços. Não podemos dar margem e temos que ficar com os 3 pontos.

Escalação que eu colocaria: Daniel, Heitor, Ze Gabriel, Cuesta e Moisés, Dourado, Edenílson, Patrick e Maurício, Taison e Yuri Alberto... o time que deverá jogar provavelmente terá Lomba e Rodinei de diferente nos 11 titulares que eu optaria, mas é time para vencer! Precisamos da vitória!"

Ariel: "Espero um jogo bem complicado. O Inter mostrou uma evolução nas últimas partidas, mas ainda é muito irregular e comete erros que podem custar caro em um duelo mais competitivo. Até o momento, perdemos os jogos mais "cascudos" nos detalhes, e este é o meu temor para este jogo.

Escalaria um time próximo do que foi contra o Táchita, com Lomba, Rodinei, Zé Gabriel, Cuesta, Moisés, Dourado, Edenilson, Patrick, Mauricio, Taison e Galhardo (Yuri pro 2 tempo)".

Alan: "Pelo que analisei o Olimpia é um time que adota a estrategia de se fechar para explorar os contra-ataques, assim foi na derrota para o Cerro no último fim de semana. O gigante paraguaio costuma sofrer quando precisa avançar com a bola e é justamente nisso que mora o perigo - mas que também pode ter seu ponto positivo. Vejo a equipe de Sergio Orteman fazendo o velho anti-jogo, tentando segurar o ímpeto dos colorados para que aumentem nosso número de erros e, consequentemente, entrem no jogo explorando os contra-ataques. Se conseguirmos abrir o placar antes dos 30 minutos - como ocorrido contra o Táchira - há grandes chances de uma nova vitória mais ampla, mas se as coisas não ocorrerem assim, o jogo pode engrossar e ser decidido no detalhe. O Olimpia pode ser limitado tecnicamente mas é experiente nesse tipo de jogo. Como ainda estamos em uma fase inicial de trabalho, sem tanta consistência defensiva, não é um jogo ganho. 

Meu XI ideal para esta quarta teria: Lomba, Rodinei, Lucas Ribeiro, Cuesta, Moisés, Dourado, Edenílson, Praxedes, Taison, Patrick e Yuri Alberto (Yuri é meu preferido para jogos continentais por suas características de enfrentamento diante dos zagueiros). Maurício e Galhardo seriam armas para o segundo tempo, caso a coisa não ande bem.".

Categorias

Ver todas categorias

Tu apoia a mudança do escudo com a retirada da borda?

Sim

Votar

Não

Votar

590 pessoas já votaram