Texto por Colaborador: Redação 22/05/2020 - 18:13

Nesta sexta-feira (22), o presidente do Boca, Jorge Amor Ameal, explicou por que optou por não insistir na contratação do centroavante peruano, em entrevista à Rádio Rivadavia:

"Quando chegamos ao clube, diziam que Carlitos Tévez estava aposentado, que tínhamos que trazer Guerrero porque não fazíamos gols. E lembro que sempre dizia que, se Carlitos estiver bem, o Boca não precisava de reforços. Eu disse isso desde o primeiro dia, e críticas vieram de todos os lados (...) Carlitos estava com vontade e provou ser um jogador diferente, porque ele é diferente, e enquanto estiver bem e quiser, não tenha dúvidas que ele nos dará satisfação", completou .

Em fevereiro, o Inter anunciou a prorrogação de contrato com o centroavante Paolo Guerrero. Antes com contrato até o meio de 2021, o novo vínculo do peruano com o Colorado irá até o final de 2021. 

Categorias

Ver todas categorias

Você aprova a renovação de contrato de Rodrigo Dourado?

Sim

Votar

Não

Votar

738 pessoas já votaram