Texto por Colaborador: Redação 21/07/2021 - 00:00

Em entrevista aos canais oficiais do Grêmio be na última segunda-feira, o presidente Romildo Bolzan rebateu uma fala do presidente colorado, Alessandro Barcellos.

Alguns torcedores questionaram o presidente rival sobre a provocação do mandatário alvirrubro. Na ocasião, após o clássico Gre-Nal 433, o mandatário vermelho cutucou ao dizer que o Grêmio não tinha ninguém atrás, já que estava na última colocação.

“Eu não sou censor de ninguém. O que está dito, está dito. Cada um paga o preço daquilo que diz. A mim não afetou. Essas coisas acontecem. Quero até dar um relato sobre um episódio que tive com o ex-presidente Marcelo Medeiros. O Inter estava na segunda divisão e fui provocado com uma pergunta se eu secava o Inter, para que ele fosse mais rebaixado. A minha resposta, do lado do presidente Medeiros, foi de que o que eu não quero para mim, eu não quero para os outros. Não quero que o Inter passe por essa situação que estamos passando. Tomara que não precise. Que bom que os dois clubes possam estar, permanentemente, em uma condição boa”, afirmou Romildo.

Nesta terça-feira, por ironia do destino, o Tricolor do Humaitá acabou caindo na Copa Sul-Americana ao perder em casa para a LDU.

Categorias

Ver todas categorias

Aguirre é a escolha certa do Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

550 pessoas já votaram