Texto por Colaborador: Redação 05/09/2021 - 19:00

Um levantamento desenvolvido pela Sports Value sobre os rankings financeiros dos clubes brasileiros transparece uma realidade bem diferente para o Inter em relação aos principais rivais do país de uma década atrás. Isso porque o domínio econômico/esportivo no futebol brasileiro mudou muito nos últimos anos, fruto sobretudo da implosão dos clubes dos 13, que beneficiou sobretudo os dois clubes mais populares do país. Segundo os gráficos, no início dos anos 2000 o domínio era do São Paulo e Internacional. A partir de 2009, Corinthians. Mais recentemente as coisas mudaram com a supremacia de Flamengo e Palmeiras.

Os gráficos dinâmicos são do período de 2003 a 2020, foram atualizados pela inflação e analisam Receitas, Custos com Futebol e Dívidas, trazem pontos preocupantes:

Em 2007, o SP (1°) faturava R$414m e o Inter, logo atrás, R$340m. Naquela época, Flamengo e Palmeiras registravam, respectivamente, R$195m R$188m.

Já em 2012 o Corinthians saltava para R$574m e o Flamengo para R$339m, com o Inter ainda mantendo uma aproximação no Top 3 com R$ 405m.

Em 2019, a disparidade total: Flamengo bate a casa do R$1bi e o Internacional R$ 471m. 

Confira os números completos em https://www.sportsvalue.com.br/rankings-financeiros-dinamicos-dos-clubes-brasileiros/

Categorias

Ver todas categorias

Aguirre é a escolha certa do Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

1408 pessoas já votaram