Texto por Colaborador: Redação 16/05/2020 - 13:15

Após dois meses desde o polêmico Gre-Nal 424, inédito pela Libertadores da América, que terminou em 0x0 na Arena do Grêmio e com uma pancadaria que resultou em oito expulsos, a demora para o resultado ampós a audiência que ocorreu no final de março sem a divulgação das punições de Pepê, Paulo Miranda, Luciano e Caio Henrique pelo lado do Grêmio, e Moisés, Edenilson, Cuesta e Praxedes pelo lado do Inter teria uma explicação.

Segundo o jornalista Eduardo Gabardo, do GaúchaZH, há um motivo "nobre” por trás da demora. O repórter informa que a Conmebol não quer, neste momento, causar ainda mais prejuízo aos clubes, uma vez que a maioria das punições envolve multa em dinheiro. O objetivo da confederação sul-Americana neste momento de paralisação geral pelo coronavírus seria justamente o contrário.

Categorias

Ver todas categorias

Você aprova a renovação de contrato de Rodrigo Dourado?

Sim

Votar

Não

Votar

854 pessoas já votaram