Texto por Colaborador: Redação 11/03/2021 - 00:42

O Vasco da Gama apresentou nesta quarta-feira (10) um trio de reforços com passagem no Internacional. Zeca, Marquinhos Gabriel (criado no Celeiro de Ases) e Ernando concederam coletiva online logo após vestiram a tradicional camisa cruzmaltina. Sem conseguirem deixar qualquer saudade no Beira-Rio, os três chegam para disputar à Série B do Campeonato Brasileiro após o rebaixamento da equipe carioca em 2020. O zagueiro vestirá a 44, o meia, a 31 e o lateral, a 37. Eles ainda não estão regularizados e não devem ficar à disposição de Marcelo Cabo para enfrentar o Nova Iguaçu, sábado, pelo Carioca. Confira suas primeiras palavras no Rio de Janeiro:

Ernando: "Sou um zagueiro experiente, com passagens por grandes clubes como Inter e Bahia. Comecei no Goiás, passei pelo Sport. Tive um alto número de jogos por todos esses clubes. No ano passado joguei 30 jogos no Brasileiro pelo Bahia. Tenho uma passagem bacana no futebol. Também jogo na lateral-direita. Não sou concorrente do Zequinha (risos), mas também já atuei pela esquerda. Sou um zagueiro de velocidade, tenho uma boa saída de jogo, boa jogada aérea. Por ter essa versatilidade, já joguei pelas laterais. Mas minha preferência é como zagueiro".

Marquinhos Gabriel: "Quero agradecer a oportunidade. Aceitei pela grandeza do Vasco e por tudo o que ele representa no futebol brasileiro. O ano é de voltar para a Série A. Quando eu vinha jogar aqui, o time adversário sentia a torcida. Agora, quero isso a meu favor. Já joguei nas três funções do meio de campo, mas passei a jogar centralizado e gosto muito. Depois passei a jogar mais aberto, buscando o jogador melhor posicionado".

Zeca: "Estou muito feliz e motivado para jogar no Vasco, uma camisa gigante. Jogo tanto na esquerda quanto na direita. Vou conversar com o professor. Meu primeiro treino será hoje (terça). Tenho certeza que voltaremos para Série A e buscaremos coisas grandes. Já joguei com Marquinhos e gosto de fazer um jogo apoiado".

Categorias

Ver todas categorias

Tu apoia a mudança do escudo com a retirada da borda?

Sim

Votar

Não

Votar

68 pessoas já votaram